Arquivos Mensais: Fevereiro 2015

Ostra

O poeta é um pouco a ostra Forma a pérola sob maremotos

Publicado em Uncategorized | Publicar um comentário

Noite tempestuosa

Cai, chuva, cai sobre a terra viúva. Abranda o crispamento dos relâmpagos cortando o céu a seco em zigue-zague e o atroar irritado dos trovões. Vem surdinar nos vidros da janela com teus dedos de fêmea um baticum como o … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Publicar um comentário