A poesia é pop

Para HG

A poesia sopra
pop ou brisa
onde lhe apetece

rabisco de carvão
na parede

fala cambaleante
de bêbado

brinquedo-texto
de poeta bissexto

milonga
do Ramil

prece
infantil

a poesia sopra
na Rússia, no Brasil,
na puta que a pariu

Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s